Moinhos de Vento da Serra da Atalhada e Vimieiro – Friúmes -Penacova

Moinhos de Vento da Serra da Atalhada e Vimieiro – Friúmes -Penacova

29 Março, 2018 40 Por Vitor Martins

Viagens na minha terra!! De volta às origens…

Vivo desde os dois anos na zona centro de Portugal e tenho muito orgulho na minha terra!! Durante vinte e três anos residi no concelho de Penacova, freguesia de Friúmes, na aldeia do Zagalho que fica mesmo ao lado de outra magnífica aldeia, a aldeia de Vale do Conde e com esta vista para a nossa Serra da Estrela…

Esta magnífica aldeia situa-se perto do rio Alva, do Rio Mondego e na encosta da magnífica serra da Atalhada. Desde criança que tive o privilégio de poder crescer e explorar a natureza, isso trouxe-me experiências que recordarei para sempre… Ficarei eternamente grato a esta aldeia. 🙂

Foi lá que conheci os meus avós, foi lá que andei tanta vez na carroça puxada por um burro que o meu avô paterno tinha, foi lá que brinquei com os meus primos, que vi crescer a minha prima mais nova, um orgulho para todos nós..

A minha terra é linda!!!

No cimo da encosta que ladeia a minha terra, é o cume da Serra da Atalhada, onde se ergue um lindíssimo complexo turístico, ao todo é formado por um conjunto de 23 moinhos de vento, um pequeno bar e um restaurante. Infelizmente e por variadas razões, o restaurante e o bar não estão a funcionar, mas em contrapartida ao fim-de-semana podemos encontrar sempre alguém por lá, seja nos moinhos (já que alguns são privados), seja a apreciar a vista!! Não se sabe ao certo, o ano de construção dos moinhos de Vento, sabe-se isso sim, que estes foram construídos à centenas de anos, por pessoas que se dedicavam à moagem do cereal (os moleiros) e os meus avós eram uns deles. Abandonada a actividade, os moinhos, foram-se degradando, atingindo alguns um estado de ruínas total. Por volta do ano de 1996, já com os moinhos de vento praticamente todos destruídos, o centro de convívio de Zagalho e Vale do Conde, liderado por um grande visionário da terra, o José Adelino, candidatou-se a vários projectos de turismo de juventude por forma a se poder reconstruir alguns dos moinhos de vento. Contratou-se o Sr. Abel Lopes, um homem experiente na reconstrução de todo o tipo de moinhos e com ele aprendemos tanto!! Passámos férias inteiras por lá, ele era um grande contador de histórias da vida e nós adorávamos ouvi-lo… 🙂

Era um bom homem, e gostava de beber o seu copo de vinho, levávamos aos 5lt de vinho para ele, mas ele achava que só o vinho dele é que era bom… então quando levávamos vinho que não era dele, ele só dizia: “tragam o vinagre…” 🙂

Foram momentos fantásticos e inesquecíveis que passamos por lá, passados mais alguns anos, construiu-se um restaurante e bar, os moinhos começaram a receber pessoas, sim porque podemos dormir naquele fantástico lugar! 🙂

Com a crise vieram vários problemas, mas foi decidido que quem quisesse poderia comprar um moinho e restaurá-lo, de forma a ser possível restaurá-los todos e assim foi… neste momento estão vários reconstruídos e dão uma imagem lindíssima ao cume da nossa serra. Ao fim de semana os donos vão descansar até lá, muitos fazem a farinha e nós podemos entrar e assistir ao vivo a forma como o milho se transforma em farinha, e é de facto, fascinante!!

Quem quiser pode almoçar, lanchar ou simplesmente descansar apreciando as fantásticas vistas para a serra da Estrela..

No fim do almoço, podemos descer a serra e seguir em direcção à aldeia do Carregal também na freguesia de Friúmes… Lá terá indicações para ir ter ao complexo do Vimieiro, onde está o rio Alva com uma azenha antiga mas ainda em funcionamento, e uma magnífica praia fluvial de bandeira azul!! No verão podemos mandar uns belos mergulhos nas águas do rio Alva e descansar nas suas margens… 🙂

Desde 2013, a Medronhalva para além de alojamentos turísticos, está a desenvolver um projecto fantástico de produção de medronho na zona envolvente, e apesar do fogo que destruiu a sua produção, hoje já podemos ver como conseguiram revitalizar a zona, conseguindo ainda mais espaço e fazendo com que aquela zona tenha um futuro auspicioso, desenvolvendo o medronho. O medronho é muito utilizado para produzir aguardente, mas ele serve para muito mais coisas… pode ser comido como fruto fresco, para compotas, e está cada vez mais famoso, estando já em estudo para servir para outras coisas, polpas para iogurtes, por exemplo, ou em snacks e barritas. Quem lidera este fantástico projecto é um conceituado biólogo da nossa região, ele tem a intenção de fazer ainda agricultura biológica, apicultura, silvicultura, pesca lúdica, o turismo, a eficiência e sustentabilidade ambiental, energética e a biodiversidade, assentando numa forte base de investigação, desenvolvimento, inovação, responsabilidade social e valorização dos recursos endógenos mediterrânicos e na paisagem única do Vale do Alva… tanta coisa para desenvolvermos por cá!

Neste momento existem alojamentos de turismo rural com condições fantásticas e existe o restaurante “O Vimieiro”, um dos mais famosos e conceituados do nosso concelho, mencionado tantas vezes no “Boa cama Boa mesa”, que distingue os melhores!!

O caneiro e a roda são o ex-líbris do Vimieiro e servem para demonstrar a forma como os nossos antepassados conseguiam recolher água para as suas terras através da roda… É uma invenção fantástica… Depois seguiam por canais de água efectuadas por eles, até chegar às suas terras, conseguindo assim regar os seus cultivos. O que se produzia antigamente era essencialmente milho e eu, em muitos anos ajudei os meus pais nesse processo.

No Verão podemos também efectuar uma descida de kayak no Rio Alva e apreciar a paisagem…

A nossa região tem inúmeras ofertas para que possamos ficar um fim de semana de relaxamento e convívio tranquilo com a natureza em todo o seu esplendor! 🙂

O restaurante Vimieiro tem pratos típicos da nossa região e uma qualidade acima da média… Lá poderá degustar as melhores iguarias da nossa região, o cozinheiro nasceu e cresceu na nossa terra e ninguém melhor que ele para nos aconselhar o que devemos provar!!

Visitem a minha Terra!!!

http://uf-friumeseparadela.pt/

https://www.facebook.com/restaurante.vimieiro/

http://www.visitpenacova.pt/

http://medronhalva.pt/turismo/